Colau Já Assume A Investidura Com Os Votos De Valls

Blog

Colau Já Assume A Investidura Com Os Votos De Valls 1

Colau Já Assume A Investidura Com Os Votos De Valls

Após receber o aval das bases de seu partido para expor a sua candidatura pela sessão de investidura do próximo sábado, Colau continua se movendo guia pra alcançar a reeleição. Insiste em sugerir um pacto a ERC e o PSC, contudo os republicanos o acusam de “burlar” as pessoas, pelo motivo de domina que esse acordo é “impossível”.

A acusam, assim sendo, de acobertar suas intenções, que passam por pactuar com o PSC e aceitar os votos de Manuel Valls, uma operação desconfortável e nocivo dessa forma tivesse tido oposição entre suas bases. Mas a militância avaliou ontem que opte à reeleição e, assim sendo, a atual prefeita neste momento tem a cabeça livre pra se preparar pra semana decisiva pra investidura.

  • Conselho Superior
  • Christopher Hitchens pela Biola University, “Deus Existe?” (2009)
  • Causador da digitalizazción
  • nove Alternativas ao petróleo usual

negou ter negociado com Valls. “Não fazemos política de acordos ou de acordos com Valls nem ao menos com os Cidadãos”, considerou. Isso sim, de alguma mandeira, prontamente assumiu o “traço” de sair investida com os votos do ex-primeiro-ministro francês. “Não desejamos depender de o que fazer.

Ele é responsável pelos seus atos”, alegou o Valls. Não obstante, ponderou que está fora de território “de resolver se aceitam ou não os votos de Valls”. Colau tem o aval de sua militância para combater na investidura quase aconteça o que ocorrer. De entrada, a aposta é liderar um tripartido com DRC e o PSC, mas se ele falhar esta opção, o que imediatamente dá quase com certeza, a militância lhe autorizou ontem conservar a candidatura.

Isso implica receber o apoio dos socialistas e de Valls. Entre outras coisas, negou que exista uma operação de Estado para impedir que o independentismo controlar a câmara Municipal de Barcelona. Uma idéia que leva dias fazendo circular o secesionismo e que fez ontem tua Quim Torra. “Não tenho nenhuma operação estranha”, afirmou.

A estratégia dos comuns, passa por manter até o último instante a porta aberta para um acordo a 3 com socialistas e republicanos. O que implicaria vir à votação do sábado da investidura no solo e não com um acordo a dois de governo, como desejaria o PSC. “Me parece inconcebível que os representantes políticos veten. Não aceitamos os vetos cruzados”, foi mantido. Em sua opinião, Maragall, cometeu o erro de doar por feito que seria prefeito. “Estamos convencidos de que necessitamos superar as políticas de blocos, damos um passo adiante e apresentamos a nossa candidatura”, de acordo com Colau. “Só vamos falar com DRC e com o PSC, antes e após a posse”, ratificou.

Mas foi avisado que não aceitam o ultimato de ninguém. O líder dos comuns no Congresso, Jaume Asens’, destacou, mas, que Colau não descarta negociar com DRC e PSC e ceder a prefeitura a Maragall. Se bem que trabalham com o episódio de manter-se à frente da câmara Municipal “Nós Nunca desconsiderada que Maragall seja prefeito”, segundo Asens’.

Rafael Lozano assumiu a presidência do partido em sua II Assembléia Nacional, consumada em Huesca dezessete e dezoito de dezembro de 1988, sob o lema bilíngüe Recuperar o passado, criar o futuro. Rechirar ou pasau, fer ou futuro. Em seu pc continuava Chesús Bernal como secretário-geral e se incorporava Bizén Fuster como vice-presidente. Teruel, Jaca, Porto, Ovar e A Almunia de Dona Godina, entre outros. A candidatura que encabeçava Chesús Bernal ficou novamente fora das Cortes de Aragão, ficando como sexta candidatura mais votada em todas as circunscrições.

O quatro e 5 de janeiro de 1992, são paulo sediou a III Assembleia Nacional de CHA, ante o lema o Rafael Lozano como Bizén Fuster e Chesús Bernal. A grande novidade nesse tempo foi a incorporação do cantor e compositor José Antonio Labordeta como candidato de CHA ao Congresso dos Deputados, com o lema Nos irão ouvir.

Em dezembro de 1998, foi montada a Fundação Gaspar Ribeiro pra Investigação e Desenvolvimento do Aragonesismo, que presidiu, em sua primeira fase Eloy Fernández Clemente. Em vinte e nove de março de 1999 abriu tua página internet. Em 12 de março de 2000 CHA conseguiu entrar no Congresso dos Deputados. Com o lema Com voz própria, Labordeta conseguiu uma vaga por Zaragoza e CHA ficou a terceira força política de Aragão.